Ser Lesado

Curiosidade e Informação sobre Lesão Medular

Cadeirante que inspirou web ganha 70 mil seguidores: ‘Surpreso com a proporção’

Posted by on mar 4, 2019

Diego Coelho emocionou e inspirou o público no Caldeirão de 2/3 ao contar aLuciano Huck a sua história de como sofreu o acidente que o deixou paraplégico no mesmo dia em que a atual esposa, a Suzy, aceitou seu pedido de namoro. E nem ele esperava tanto burburinho depois da sua participação no The Wall, o desafio contra a parede.

“A repercussão foi muito boa, maior do que eu esperava. Fiquei surpreso com a proporção que tomou. Foi muita coisa em pouquíssimo tempo. Estou recebendo um monte de mensagens, de comentários nas fotos… Estou bem feliz com isso”, contou ele ao Gshow.

Luciano Huck conversa com Diego Coelho e a esposa Suzy durante o 'The Wall' — Foto: TV GloboLuciano Huck conversa com Diego Coelho e a esposa Suzy durante o 'The Wall' — Foto: TV Globo

Luciano Huck conversa com Diego Coelho e a esposa Suzy durante o ‘The Wall’ — Foto: TV Globo

No Instagram, o perfil do Diego saltou de 24 mil seguidores para mais de 94 mil, um crescimento superior a 70 mil. A nova base vai ajudá-lo a inspirar mais pessoas:

“Minha história é apenas para provar para as pessoas que é possível, que existe vida depois da cadeira de rodas, pra não se entregar que dá para fazer muita coisa: sair de casa, praticar atividade física, praticar esporte… Esporte melhora a qualidade de vida todos os dias, e como cadeirante muito mais.”

“É óbvio que se eu conseguir trazer o máximo de pessoas para o crossfit vou ficar muito mais feliz do que se a pessoa for para outro esporte, mas só mostrando e tirando essas pessoas de casa já é algo incrível.”

Lucas e Diego se abraçam após saberem que saíram sem nada do 'The Wall' — Foto: TV GloboLucas e Diego se abraçam após saberem que saíram sem nada do 'The Wall' — Foto: TV Globo

Lucas e Diego se abraçam após saberem que saíram sem nada do ‘The Wall’ — Foto: TV Globo

E por que isso? Ele explicou os desafios do dia a dia para alguém em cadeira de rodas, ressaltando a importância de estar em forma:

“Preciso de força para tocar minha cadeira todos os dias, colocá-la dentro do carro. Para as atividades do meu dia a dia preciso ser um pouco mais forte, preciso que meus braços tenham uma resistência maior, que tenham a resistência das minhas pernas.”

E sabe o sonho dele e do Lucas, seu parceiro no jogo do The Wall, de ir pro Egito competir? Eles conseguiram ir e ainda foram campeões!

“A ideia é ir de novo este ano (2019), representar o Brasil no crossfit. Com essa aparição no Caldeirão temos a chance de levantar a grana para fazer esse trabalho. Só que o sonho vai muito além disso: é mostrar para as pessoas que elas são capazes de ter aquilo que querem se tiverem a força de vontade de lutar e correr atrás.”

Diego e Lucas foram campeões no Egito após a gravação do 'The Wall' — Foto: Arquivo PessoalDiego e Lucas foram campeões no Egito após a gravação do 'The Wall' — Foto: Arquivo Pessoal

Diego e Lucas foram campeões no Egito após a gravação do ‘The Wall’ — Foto: Arquivo Pessoal

Fonte: Gshow

Deixe uma resposta

468 ad